quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Como viajar de ônibus com crianças pela Europa?

Nós já viajamos um bocado por aqui, mas até hoje nossas experiências tinham sido de carro, trem ou avião. Alguns amigos nos disseram que viajar pela Europa de ônibus seria barato e confortável. Eram amigos sem filhos, claro, mas decidimos pagar para ver e nessa ida à Praga encaramos o desafio.
Compramos nossas passagens em um site chamado Busliniensuche, onde você pode selecionar seu destino e ele te dará a opção de várias empresas de ônibus. Uma coisa que você deve prestar atenção é que, diferente do Brasil, aqui na Alemanha os preços das viagens intermunicipais ou internacionais não são fixos. Eles variam não só de empresa para empresa como dependendo do horário, dia da semana e antecedência da compra. Viagens no meio do dia e no meio da semana geralmente serão mais baratas que as viagens de finais de semana, por exemplo.
Outra diferença: aqui não é possível reservar assento. Na hora, você senta onde estiver vago. Já dá para imaginar o Deus nos acuda na hora de entrar no busão, né?
A dica aqui é: chegue cedo e fique esperto. Pois o pessoal fura a fila na maior cara de pau.
Se você está viajando com criança, prepare-se, pois a mesma cadeirinha especial que é exigida para andar de carro, tem que ser levada para andar no ônibus. E você corre o risco de não conseguir embarcar se não estiver com o assento apropriado.
Nós usamos a empresa Flixbus, que dizia ter wifi, tomadas e bebidas e snacks a bordo. Bom... não era bem assim. O ônibus tinha 2 andares e na ida, caímos na besteira de ir em cima. Conseguimos sentar na última fileira todos juntos mas em compensação tinha um grupo grande de pós adolescentes superbarulhentos bebendo vodca no gargalo e fazendo algazarra. O wifi também não estava tão bom e as tomadas não funcionavam. Para melhorar, como era a última fileira, as cadeiras não reclinavam.
Só não foi um tiro no pé total porque a viagem é curta (4h30min) então não foi tão terrível.
Na volta, já sabedores do esquema de lugares, ficamos na porta e fomos uns dos primeiros a entrar. Com isso, conseguimos sentar no andar de baixo. Nesse andar, tem 4 assentos que são juntos, com uma mesa no meio, entre eles. Ou seja, perfeito para viagens em grupo! Estávamos em 3 e conseguimos sentar neles. Foi super espaçoso e confortavel, pois pudemos colocar o computador na mesa para que a Carol pudesse assistir seus desenhos. Alem disso, o banheiro fica embaixo então estava mais acessível.

E o funcionário que vende bebidas e snacks também fica embaixo. E eles realmente vendem água, refri e cerveja dentro do ônibus. Na volta, felizmente o wifi e as tomadas estavam ótimos também.

Quantos joinhas da Carolina merece uma viagem de ônibus por aqui?

Se a viagem fosse sempre como foi na volta, poderíamos dar 4 joinhas. Mas não há garantia. Tudo depende da sorte de pegar um bom lugar na hora, do wifi funcionar... de tantos fatores, que só merecem 3 joinhas e mesmo assim com boa vontade.
Ao viajar com crianças de ônibus na Europa a única garantia que você tem é de que terá emoção pois sabe-se lá se tudo correrá bem. Caso seja aventureiro, boa sorte! Caso prefira um pouco mais de certeza, vá de trem.

No vídeo dessa semana no youtube nós mostramos como era o ônibus, a rodoviária de Berlim e como foi a ida. Assista o vídeo, curta, compartilhe, assine o canal e continue nos acompanhando.